da bet esporte: : Depois de uma pausa de um mês e meio para a disputa dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, a bola volta a rolar no Brasileiro Feminino Neoenergia neste sábado (14). O retorno coincide com a reta final da competição, já na fase de mata-mata. Sendo assim, para refrescar a memória do torcedor, o site da CBF reuniu os principais destaques das equipes remanescentes nas Quartas de Finais.

da 888casino: : Entre desfalques e reforços, juventude e experiência, Avaí/Kindermann, Corinthians, Ferroviária, Grêmio, Internacional, Palmeiras, Santos e São Paulo vão em busca de um objetivo em comum: o título da edição de 2021 do Brasileirão Feminino Neoenergia. Para isso, as equipes apostam na força do coletivo, mas também no talento de peças-chaves para conduzirem os times dentro de campo. Confira alguns desses destaques abaixo.

Avaí/Kindermann – Larissa

Larissa é a principal goleadora do Avaí/Kindermann, com sete tentos
Créditos: Andrielli Zambonin / Avaí Kindermann

A equipe do Avaí/Kindermann tem um grande desafio pela frente nas Quartas de Final: encarar o Corinthians, dono da melhor campanha durante os pontos corridos, em confronto que reedita a final da edição de 2020. Para isso, as Caçadoras apostam suas fichas em Larissa. Artilheira da equipe catarinense na competição, com sete gols marcados, a atacante foi fundamental ao longo da Primeira Fase e chega como a principal esperança de gols para o mata-mata.

Corinthians – Gabi Zanotti

Prêmio Brasileirão 2020: Gabi Zanotti, do Corinthians
Créditos: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Em busca do bicampeonato, Arthur Elias tem em mãos um elenco acostumado a vencer. Dentre suas comandadas, destaque para Gabi Zanotti. Multicampeã pelo Timão e eleita Craque da edição de 2020 do Brasileiro Feminino, a meia promete guiar o Alvinegro Paulista rumo a mais uma campanha marcante na principal competição do país.

Ferroviária – Rafa Mineira

Rafa Mineira, da Ferroviária
Créditos: TIAGO PAVINI/AFE

Diante do Santos, a Ferroviária promete protagonizar um dos confrontos mais equilibrados das Quartas de Final do Brasileirão Feminino Neoenergia. Para fazer a diferença nos detalhes, as Guerreiras Grenás contam com o talento de Rafa Mineira. Referência no meio de campo, a jovem de 25 anos também chega bem ao ataque – não à toa é a principal goleadora da equipe no torneio, com quatro bolas na rede.

Grêmio – Rafa Levis

Com apenas 18 anos, Rafa Levis é quem mais dá passes para gol no time do Grêmio
Créditos: Morgana Schuh | Grêmio FBPA

O Grêmio tem em uma joia da base uma de suas principais esperanças nessa reta final de Campeonato Brasileiro. Rafa Levis, de apenas 18 anos, foi a principal revelação do Imortal ao longo da Primeira Fase. Figurinha carimbada na Seleção Feminina Sub-20, a meia lidera as estatísticas do Tricolor Gaúcho no quesito assistências, com cinco passes para gol. Além de servir suas companheiras, a jovem também já marcou dois gols na competição. Olho nela!

Internacional – Mileninha

Figurinha carimbada nas Seleções de Base, Mileninha é uma das apostas do Colorado na reta final do Brasileirão
Créditos: Max Peixoto

Assim como o rival regional, o Internacional fez florescer um jovem talento nesta edição do Brasileirão Feminino Neoenergia. Também com 18 anos e passagens pelas Seleções de Base Femininas, Mileninha é um verdadeiro furacão. Vice-artilheira do Colorado no torneio, com cinco tentos anotados, a jovem meio-campista é um dos trunfos do time gaúcho diante do São Paulo.

Palmeiras – Julia Bianchi

Atleta da Seleção Principal, Julia Bianchi é quem dita o ritmo de jogo do Verdão
Créditos: Léo Sguaçabia

Para a reta final do Brasileirão, o Palmeiras sofreu duas grandes perdas: Bia Zaneratto e Rafaelle, ambas titulares na Seleção Principal, retornaram ao futebol chinês após término de contrato. Mas apesar dos desfalques, o Verdão, dono da segunda melhor campanha na Fase de Grupos, promete chegar longe em 2021. Para isso, a equipe confia na cadência de Julia Bianchi. ‘Motorzinho’ do meio de campo, a atleta promete ditar o ritmo das ações da equipe dentro de campo.

Santos – Ketlen

Ketlen comemora 100 gols com a camisa do Santos
Créditos: Divulgação/Santos

Para o duelo contra as Guerreiras Grenás, o Santos aposta em quem tem faro de gol: Ketlen. Em 2020, a atacante alcançou a incrível marca de 100 tentos pelo Peixe – primeira mulher a alcançar o feito. Em 2021, Ketlen não baixou o ritmo. Já são cinco gols no Brasileirão Feminino, que a credenciam como a artilheira da equipe no torneio.

São Paulo – Duda

Duda é o principal destaque do São Paulo no Brasileirão Feminino Neoenergia
Créditos: Fernando Roberto/UAI FOTO

O São Paulo sonha grande em 2021, e não é para menos. Ainda mais competitiva, a equipe conta com a fase iluminada de Duda, vice-artilheira da competição, com nove gols. Após disputar as Olimpíadas de Tóquio com a Seleção Principal, a atacante retorna ao Tricolor Paulista para liderar o time dentro de campo.